4-dicas-hora-limpar-interior-seu-carro

Seja os carros Toyota, seja os de qualquer outra marca, todo motorista precisa conhecer dicas na hora de limpar o interior do seu carro. Afinal de contas, esse é um dos principais cuidados para manter o automóvel valorizado, além de deixá-lo mais confortável também. Ninguém gosta de dirigir em um veículo sujo e com cheiro ruim, mesmo que seja apenas pelo acúmulo de poeira.

Assim, é importante conhecer dicas na hora de limpar o interior do seu carro para mantê-lo sempre higienizado, mas também para poder superar os desafios básicos de limpar a parte de dentro do automóvel. Afinal de contas, lavar por fora é fácil. A lataria não apresenta grandes desafios e basta um pouco de água e detergente neutro, além de uma esponja macia, para fazer a limpeza.

Mas e na parte de dentro? Como lidar com os estofados, o painel e outros detalhes? Confira algumas dicas na hora de limpar o interior do seu carro a seguir!

4 dicas na hora de limpar o interior do seu carro

1. Atenção com o teto

Uma das grandes dificuldades para limpar o interior de um carro é o teto. Normalmente, ele acumula muita sujeira “invisível”, como poeira, e isso faz com que seja difícil de limpá-lo.

Além disso, o teto por si só oferece seus desafios, já que a gravidade faz com que a sujeira caia em cima de outras partes do interior do automóvel. Portanto, comece a limpeza sempre por ele, para não ter de limpar novamente o que já foi limpo.

Use uma escova macia e um pano úmido para tirar toda a poeira e sujeira do teto. Mas atenção: cuidado com o que pode cair na sua cara. Usar uma máscara de proteção pode ser adequado.

2. Cuidado com os estofados

Os estofados representam um dos maiores riscos na hora de limpar o interior de um automóvel. Em primeiro lugar, eles são a maior superfície de limpeza, logo, dão o maior trabalho. Em segundo lugar, são feitos do material mais sensível para os produtos de limpeza, por isso é fácil errar.

Para terminar, eles são muito valorizados na hora da revenda. Uma mancha ou problema nos estofados pode custar alguns milhares na avaliação do veículo na hora de vendê-lo.

Em caso de estofado de tecido, comece a limpeza aspirando-o. A ideia é remover não só  o pó que caiu do teto, mas também quaisquer flocos de sujeira que se formaram ali.

Depois, com um pano úmido de desinfetante e detergente neutro (apenas isso), esfregue os bancos para limpá-los e deixe o carro aberto no sol para secar bem.

Já em caso de estofado de couro, o cuidado é triplicado. Evite qualquer produto químico industrializado, pois eles podem deixar manchas no couro. Apenas a água e o detergente neutro são seguros para usar na limpeza.

3. Use os produtos certos

Como dito, é importante ter cuidado com os produtos que serão usados na limpeza do interior do carro. Em primeiro lugar, porque químicos muito abrasivos podem deixar manchas indesejáveis. Em segundo lugar, porque podem deixar um cheiro muito forte dentro do automóvel.

Na dúvida, jogue sempre pelo seguro: água e detergente neutro. No máximo, o desinfetante (e somente quando você tiver certeza de que pode usá-lo!).

Alguns materiais exigem produtos específicos. Por exemplo, os vidros pedem a limpeza com um limpa-vidros especializado (e a limpeza deve ser feita uma vez por semana).

O painel digital, por sua vez, deve ser limpo com um pano macio e isopropanol (um tipo de álcool específico que pode ir em telas digitais). Já o banco de couro pode pedir hidratação com um material próprio.

4. Tenha cuidado especial com o coronavírus

Por fim, tenha bastante cuidado com o novo coronavírus caso você receba muitas pessoas no seu automóvel (caso de um motorista de aplicativos, por exemplo). Nesse caso, é importantíssimo tomar algumas atitudes para garantir a limpeza do automóvel.

Comece sempre limpando a maçaneta interior da porta com álcool gel 70% ou multiuso sempre que alguém abrir a porta do automóvel. Caso você tenha um daqueles plásticos que separam o motorista do passageiro no banco traseiro, limpe-o com o mesmo material em intervalos regulares.

O volante e o câmbio da marcha são partes do carro que você está sempre em contato, então é importante lavar as mãos frequentemente e limpar essas partes com álcool gel também.

Isso tudo sem falar em deixar os vidros bem abertos sempre, mesmo que esteja bem frio nesse dia.

Pronto! Agora que você já viu essas dicas na hora de limpar o interior do seu carro, já está mais preparado para encarar essa limpeza. Com a exceção dos vidros (que devem ser limpos uma vez por semana), o resto você pode fazer em um evento só, talvez mensalmente, dependendo do seu caso. É claro que, se você trabalha como Uber ou taxista, precisará limpar em uma frequência muito menor.

E aí, gostou das dicas? Então compartilhe este conteúdo com seus amigos no WhatsApp!